Sexta-feira, 27 de Agosto de 2010

Há um grupo muito giro no Facebook

Bandas Sonoras Brilhantes. Procurem e participem.

 


publicado por blue258 às 00:17
link do post | dá-me um pouco da tua cor | ver outras cores (15) | favorito
|
Quinta-feira, 10 de Junho de 2010

No Facebook

Aquele quarentão jeitoso que me tinha adicionado no msn, sem-eu-o-conhecer-de-lado-nenhum, apareceu-me agora mesmo.


tags: ,

publicado por blue258 às 13:38
link do post | dá-me um pouco da tua cor | favorito
|
Segunda-feira, 7 de Junho de 2010

Facebook - considerações II

"Facebook é a Maior Ameaça do Século XXI"

*

 

"A maior parte das pessoas está lá em substituição da vida real. Por isso é que eu acho uma coisa perigosa. Qualquer dia as pessoas não são capazes de se encontrar e falar. Dizem logo, "qual é o teu endereço no Facebook" e vão para casa e começam a falar com o outro, não têm outra maneira. Viciaram-se (...)

Eu acho que isto não é uma sociedade que se encontra, mas apenas comunica, que é uma coisa diferente. Eu acho que nós temos excesso de comunicação. As pessoas deviam, todos os dias, parar meia hora sem falar. Telemóvel desligado. Computador desligado. Tudo desligado."

 

Miguel Sousa Tavares, in 5 para a meia-noite

 

 

*Vídeo surripiado do Facebook


publicado por blue258 às 10:09
link do post | dá-me um pouco da tua cor | ver outras cores (16) | favorito
|
Domingo, 6 de Junho de 2010

Facebook - considerações

Odeio aquela treta de chat. Esse é o primeiro ponto. Aquele pseudo-chat-de-treta. Aquele barulhinho-irritante-que-faz-"bpuru". "Bpuru". "Bpuru."  "Bpuru." Irrita-me solenemente. Mas vá, quem não me tem no msn e me apanha por ali, aproveita e lança-me um "olá".

Mas um aviso: meus caros amigos do sexo masculino, se na hora de almoço não têm nada a fazer - porque a esposa/mãe/namorada/colega/empregada está a tratar do almoço ou porque simplesmente compram tudo feito, lembrem-se que há quem tenha de tratar do almoço. Como eu. Caso contrário, ninguém almoça.  Isto também serve para as meninas que de igual modo têm alguém que lhes trate do almoço. Eu também queria/gostava - não pensem que não.

 

Os convites de amizade pendentes, mantenho-os ali, pendentes. Lá está, nem me dou ao trabalho de os ignorar. Mantenho-os num limbo. Não incomodam, apesar de continuarem ali. Se não conheço, não aceito.  "Ah mas podias aceitar e ficar a conhecer". Pois podia. Mas não era a mesma coisa.

Mais a mais, há a possibilidade de enviar uma mensagem quando se adiciona alguém - porque não fazer uso dela? Mas não. É só carregar no botão e adicionar alguém. E esperar que sem mais nem menos aceitem o convite.

Se me querem convidar para alguma coisa, convidem-me para um café. Olha, e que tal para almoçar numa bela esplanada frente ao mar? Isso é que é convite que se faça. Mas não. As redes sociais trouxeram tal facilitismo à convivência entre as pessoas que não tarda nada ninguém sabe o que é sair para tomar café ou beber um fino fresquíssimo ao final da tarde.

 

Convites para grupos: não aceito todo e qualquer um. Escolho os que me dizem algo. E é só. E há alguns bem engraçados. E muitos mais que nem conheço, mas a conhecer não me abstenho de fazer parte deles. Há até alguns que eu não me importava de criar.

 

Abracinhos, beijinhos, ursinhos e não sei que mais. De tempos a tempos lá vou aceitando alguns. Porquê? Simples. Porque quem mos envia tem algum significado para mim, não fosse isso, ignorava. Dou por mim a pensar: bem, que queridos, lembraram-se de mim e enviaram-me um. O problema é que muito raramente envio outro de volta. O que dirá o termómetro da amizade sobre mim? Corro o risco de ser desamigada? Prometo que vos compenso com um sorriso espontâneo, um abraço apertado e dois beijinhos. Que tal?

Reaccionária, me confesso. Querem dar-me um abracinho ou um beijinho, toca a fazê-lo pessoalmente. Por que não ao cumprimentarmo-nos,  antes e depois de uma bela conversa, de muito riso e boa disposição. É que não há nada como um tête-à-tête. Nada.

 

Jogos: meus amigos, há muito que abandonei o Farmville. Pode ser que um dia lá volte a pôr os pés. Pode ser. Café World ou qualquer coisa do género: meus amigos, correndo o risco de me repetir, só vos digo: marcamos encontro numa esplanada qualquer. De preferência junto ao mar.

 


publicado por blue258 às 14:34
link do post | dá-me um pouco da tua cor | ver outras cores (13) | favorito
|
Quarta-feira, 7 de Abril de 2010

Vós sabeis...

Que eu sou teimosa, certo? Se não sabeis, já era hora de saber. Não satisfeita com esta treta dos convites no msn de quem não conheço de lado nenhum, decidi aceitar o último convite. Convicta da lata que tinha (e tenho) em perguntar, assim sem rodeios, como obteve o meu mail. Acabadinha de chegar a casa, ligo o pc, ligo-me no msn e o fulano estava ligado: bem, foi logo, nem precisei dizer nada primeiro. Aqui fica a conversa:

 

Marco diz:
ola
Raquel diz:
olá
curiosidade:
não nos conhecemos, certo?
Marco diz:
realmente nunca te vi
nem sei de onde és
Raquel diz:
ah, ok
e como tiveste acesso ao meu mail?
só por curiosidade
Marco diz:
n sei
olha apaga o meu mail
Raquel diz:
não sabes como tiveste acesso ao meu mail?
estranho
mas ok

 

Depois, eliminei-o da minha lista, mas a janela de conversação continuava aberta, e para minha surpresa (não fazia ideia de que isso era possível - continuar a conversação, mesmo depois de o ter eliminado), ele insiste:

 

Marco diz:
tu és de onde?
Raquel diz:
bem, eu já te retirei da lista, mas continuas aí
se me disseres como conseguiste o meu mail
até te respondo
Marco diz:
n respondas então
xau

 

Conclusão, fiquei a saber o mesmo. Ainda insatisfeita, ocorre-me fazer uma pesquisa no facebook: encontrei-o logo. Ou seja, terá mesmo  sido através do facebook. A minha dúvida é: não se lembra como conseguiu o meu mail - memória fraca? Mais lhe valia ser sincero. Não entendo.  Ainda por cima, não se trata de nenhum puto, pelo menos pelo que vi, deduzo que terá uns trinta e tal anos, quarenta, e  com boa figura. E a minha dúvida é, o que leva um homem a fazer este tipo de coisas. Ok, o que leva, eu sei, mas resulta? Isto resulta? Homens e mulheres, explicai-me lá.


publicado por blue258 às 19:49
link do post | dá-me um pouco da tua cor | ver outras cores (12) | favorito
|
Quinta-feira, 11 de Março de 2010

Soneto do Orfeu

São demais os perigos desta vida
Pra quem tem paixão
Principalmente, quando uma lua chega de repente
E se deixa no céu como esquecida

E se ao luar que atua desvairado
Vem se unir uma música qualquer
Aí então é preciso ter cuidado
Porque deve andar perto uma mulher

Deve andar perto uma mulher que é feita
De música, luar e sentimento
Que a vida não quer de tão perfeita

Uma mulher que é como a própria lua
Tão linda, que só espalha sofrimento
Tão cheia de pudor que vive nua

 

Vinicius de Moraes

 


publicado por blue258 às 00:44
link do post | dá-me um pouco da tua cor | ver outras cores (10) | favorito
|
Segunda-feira, 8 de Março de 2010

Facebook and stuff

Daily Horoscope: March 8, 2010

There's a huge wave of flirtatious energy today, and most of it is coming from you!
  • Compatibility: Libra
  • Mood: Flirty
  • Lucky Color: Navy Blue
  • Lucky Number: 47
  • Lucky Time of Day: 5am

 

 

 


publicado por blue258 às 14:12
link do post | dá-me um pouco da tua cor | ver outras cores (9) | favorito
|
Sexta-feira, 5 de Março de 2010

Some nights...

Eu, cansada, e ainda a estas horas por aqui - o meu raciocínio não está no seu melhor - e o César às voltas com o Facebook, o Caravagio com a trovoada, e um Touro perdido por aí ;)

 


publicado por blue258 às 01:31
link do post | dá-me um pouco da tua cor | ver outras cores (12) | favorito
|
Quarta-feira, 14 de Outubro de 2009

Facebook and stuff

 

Já aqui falei do facebook. Já vos contei que fiquei encantada com o Farmville - agora já me aborrece um bocado, mas pronto. Semeia-se, colhe-se, ara-se, e volta-se a semear. Critérios do plantio: nenhuns - os meus são pelas cores - ou pelo que me der na real gana. Mas tem a sua piada, acreditem que tem.

Vim a descobrir, que uma vaquinha cor-de-rosa que apareceu perdida, e, que eu acolhi de bom grado lá na quinta, imaginem, produz leite de morango. Mais, tenho agora uma vaquinha castanha que produz o quê? Leite achocolatado. Parvoíces destas, só no Farmville.

 

Mais: como me ando a fartar do trabalho da quinta, resolvi virar-me para os peixinhos. Tenho um aquário com 6 peixes e uma estrela-do-mar. Comprei-os, consoante a piada que lhes achava - desconheço portanto, se são espécies que podem sequer coabitar.

Dizeis vós, assim, muito prontamente: ah, isso não interessa, não é que eles morram. Pois eu discordo. Cheguei de lá agora mesmo, e até fiquei parva:  o aquário estava uma completa sujidade e os pobres peixes famintos. E faziam uma carinha assim de help, toxic environment!

E é suposto ser o Happy Aquarium, estão a ver a ironia?

 

 


publicado por blue258 às 17:43
link do post | dá-me um pouco da tua cor | ver outras cores (4) | favorito
|
Segunda-feira, 12 de Outubro de 2009

Baú

 

Hoje, e não sei porquê, estava no facebook, a tratar da quinta, e a alimentar os peixinhos, quando resolvo experimentar os bolinhos da sorte -  coisas do facebook. O meu dizia:

 

We all have extraordinary coded within us, waiting to be released

 

 

E não sei porquê, automaticamente quis retirar um cd da gaveta - Vanessa Mae.

Fez-me lembrar quando era miúda - o que eu ouvia este cd. Fez-me lembrar o que eu gostava de ter aprendido a tocar violino - em vez de desperdiçar o tempo com o piano.

Fez-me ver o que ainda gosto de Vanessa Mae. Fez-me ver que ainda gostava de aprender a tocar violino. Fez-me pensar em todas aquelas coisas que todos gostaríamos de fazer, e que acabamos por não as concretizar.

 

 

Ainda tenho de chegar a uma conclusão: perceber porque me lembrei disto. A dificuldade agora, permanece em escolher só uma musica para colocar aqui.

 

 

 

Pronto, duas:

 

 

 

Ok. Só mais esta, uma das minhas preferidas:

 

 

 

 


publicado por blue258 às 22:09
link do post | dá-me um pouco da tua cor | ver outras cores (14) | favorito
|
Quinta-feira, 24 de Setembro de 2009

Facebooks and all the rest

 
Mais um dia. Hoje, 2 "pedidos de amizade", que já lá estavam há algum tempo, e teimavam em não desaparecer (porque não desaparecem, lógico), foram finalmente aceites. Pronto, acordei bem-disposta.
Recebi logo um "olá" de um desses - venham-me dizer que o facebook não é como as outras tretas, venham, a ver se eu acredito. É um Hi5 versão ligeiramente, mesmo ligeiramente, mas só ligeiramente mais crescida.
 
Pronto, passemos à frente que isso não interessa. Acordei bem-disposta. The sun is shining and all that jazz.
 
Fiz um quiz, sendo fiel a como me sinto hoje - as respostas, eu conheço-me bem, foram embaladas por uma boa disposição, não muito característica em mim logo de manhã. O resultado foi um. Depois, não resisti a fazer o mesmo quiz, mas respondendo como me sinto e sou quase todos os dias. E o resultado foi este:
 
"Blue" completed the quiz "Que música do Caetano és? " with the result O Quereres.
 
Intrigante e complexo. Tens tanto de contraditório quanto de fascinante. As pessoas costumam sentir-se atraídas pela tua aura misteriosa mas muitas vezes afastam-se quando não te conseguem perceber, explicar ou controlar. No fundo tu achas que tudo é bastante simples! És um ser livre e independente por natureza, o que não significa que o que os outros pensam não seja importante para ti. Gostavas de encontrar uma alma gémea que adivinhasse os teus desejos mais intimos e secretos. Tens uma enorme capacidade de amar que por vezes se perde no meio de tanta indecisão. A vida é um rio que não pára, deixa-a correr e não tenhas medo de dizer o que sentes..
 

 

 

 

 

O quereres e o estares sempre a fim

Do que em mim é de mim tão desigual

Faz-me querer-te bem, querer-te mal

Bem a ti, mal ao quereres assim

Infinitivamente pessoal

E eu querendo querer-te sem ter fim

E, querendo-te, aprender o total

Do querer que há e do que não há em mim

 

 

 

 

P.S.  É que eu nem digo nada. Nem a boca abro.

 

       Ah! Vou só aproveitar o resto do dia. Há que aproveitar todas as horinhas que fogem à regra, não? Mesmo que seja de mim.

 

 


publicado por blue258 às 10:05
link do post | dá-me um pouco da tua cor | favorito
|
Quarta-feira, 2 de Setembro de 2009

Efeito Dominó

 «O efeito dominó, efeito em cascata ou efeito em cadeia sugere a idéia de um efeito ser a causa de outro efeito gerando uma série de acontecimentos semelhantes de média, longa ou infinita duração.»   [wikipedia]

 

A primeira peça a tombar

E pensar que tudo começou com a minha querida M a levar-me a criar conta no facebook.

Para veres o meu, tem jogos e é tão giro - foi o que bastou.

Meteu-me no farmville, e eu meti-me no vampire wars. Vim foi a descobrir que tenho de andar de olho na quinta - senão chego lá e tenho a colheita toda arruinada .

 

As peças seguintes a tombar

Entretanto chega um convite de alguém conhecido.

Faz de conta que não viste. Não é pra isto que quero o facebook, certo? Depois da longa filosofia de ignorar os pedidos para qualquer uma das redes sociais - por parte de gente conhecida - não vou agora fazer isso - pensava eu. 

Vendi-me, mas não me vendi totalmente. Pois... mas na verdade, o problema é que quando nos vendemos, pura e simplesmente vendemos.

Recentemente, outro convite de alguém conhecido. E por conhecido refiro-me a alguém das minhas relações. Faz de conta que não viste também.

Queixei-me à vizinha da quinta. Ah isso é normal, a partir de agora vai ser assim. Como é que é? Eu que queria isto só para poder ver do que me falas e jogar? Não, não pode ser.

Mas pode, e é. Lá me resignei. E adicionei.

 

Primeiro uma. E depois a lógica foi, bem quem adiciona uma, adiciona duas. E três. Pois, já que a segunda é mãe de uma amiga exilada. Amiga essa que  tinha acabado de voltar a entrar em contacto via telemóvel. What to do?

 Adiciona. Mais uma.

 

Umas peças atrás das outras

Wait, it gets worse. Ando lá a cuscar o perfil dela... e revejo quem não via à muito. More ghosts from the past. Mas estes de carne e osso. Folgo vê-lo bem porque merece - é boa pessoa . E tal como quase todas as boas pessoas, tem alguém próximo com o dom de infernizar vidas - e é dessas pessoas que fujo.

 

Só espero que as peças parem de tombar aqui.

 

 

 


publicado por blue258 às 23:30
link do post | dá-me um pouco da tua cor | ver outras cores (5) | favorito
|
Segunda-feira, 31 de Agosto de 2009

clic, clic - já fiz merd@

Não vos contei que ontem, fiz uma coisa burra, muito burra. Shame on me.

Recebi, no messenger, mensagem de um chavalo amigo meu (pensava eu! que era do chavalo, não que não fosse amigo), que dizia qualquer coisa assim:

 

Hahahaha olha o que eu encontrei lol xD

com um link que tinha o meu nome

clico e diz, log in

a parva aqui, mete o mail e a password

 

É claro que, enquanto fazia isto, via o meu cérebro dividido em pequenos compartimentos, e realmente, havia um lá ao fundo, no canto, que estava a analisar a situação, pilhas de papéis na secretária, pilhas de papéis por todo o lado, que confusão de gabinete - devia ter desconfiado! Bem, disse-me it's a go. E eu fui.

Não devia, pois claro. E agora desconfio sinceramente... todos os outros compartimentos, estaria mesmo alguém lá a trabalhar, ou será que afinal, não há é ninguém lá a trabalhar? Temo que tenha ocorrido um curto-circuito no cérebro - não espera, curto-circuito não, pois eles vivem é de sinapses... teria sido um black out? Tem tudo a ver. Apagão. Tudo escuro. Foi-se tudo embora. Ficou só o desgraçado do gabinete lá do fundo. Coitado. It figures!

Como havia qualquer coisa que não batia certo, pergunto ao puto o que é aquilo e se é pra fazer o log in. Não responde. Mesmo assim faço-o - não dizem que a curiosidade matou o gato?  E apesar dos compartimentos terem um aspecto abandonado, uma mensagem de alerta ainda ecoava pelo vazio: 

 

atenção às mensagens estranhas

vindas de um remetente desconhecido (que não era o caso)

(qualquer coisa) log in

nunca insiram (...) passwords

(mais qualquer coisa) os hackers

 password errada e pede para voltar a inserir

nunca façam isso nunca façam isso nunca façam isso

 

Pois, a mensagem não era totalmente perceptível. Não sei. Equipamento ultrapassado, talvez? E o centro de operações abandonado também deve contribuir substancialmente. Desertaram todos. E ninguém se lembra de me avisar.

 

 Continuando a desconfiar, porque eu ando a ter problemas com o pc, e de vez em quando o messenger (não é de fiar, tá visto!!) apaga as fotos dos contactos, e só quando nos voltamos a ligar, é que as volto a recuperar. Fui espreitar e nada.

Se se ligou e mandou mensagem, como é que ainda não aparece a foto?! Pois... óbvio - não era ele. E então,  ligo-lhe, ainda assim meia descrente:

Ó pá, mandaste me isto assim assim?

Quem eu? Eu nem sequer me liguei desde que saí de tua casa!

Caiu-me tudo!!!

 

Hahaha parvalhona (isto digo eu)

era vírus

depois toca a alterar a password do mail e do messenger

 

Parva. Tão parva.

Quase tão parva como naquele dia no Porto, em que deixei o painel do rádio no carro - leia-se colocado no dito rádio - ali a tentar o olho de quem passava. E o que deu origem a este post aqui.

 

 

Se calhar devia procurar desculpar-me confessando que imaginava qualquer coisa do tipo oh o puto encontrou alguma foto minha, do blog ou a do perfil no facebook - sim essa, que é a única minha aí disponível na net (pelo menos que eu saiba) -  e tudo graças à Maggie, sim ela, que foi quem me convenceu a colocá-la lá - thanks maggie.

Foi graças a ela que cedi a esta coisa das redes sociais. Cedi, está cedido. E ontem, por acaso, só por acaso, e como já não ia ao facebook à muito tempo, fui... Bem, e se calhar devia dizer-te... Olha, pronto, só para saberes, no vampire wars, fiz com que te matassem, ou pelo menos, ficaste em bastante mau estado. Disseram que tenho de aumentar o clã - inscrições aceitam-se!

E não, não foi de propósito... eu não fazia isso... que queres, perguntaram-me: do you want to attack? Fiz um clique, disse que sim e o resultado não foi nada bom...

 

Tá visto que era dia, ou melhor, noite, de clic clic - já fiz merd@.

 

 

 

 

P.S. E quanto ao farmville, pelo desleixo do meu protótipo de quinta, daqui a pouco ainda te queres mudar!!! 

 


publicado por blue258 às 15:32
link do post | dá-me um pouco da tua cor | ver outras cores (5) | favorito
|

.10 anos, 10 razões :)

10 anos de Blogs do SAPO

.mais um pouco de azul


. procura-me

. segue-me

. 101 seguidores

.azuis recentes

. Há um grupo muito giro no...

. No Facebook

. Facebook - considerações ...

. Facebook - considerações

. Vós sabeis...

. Soneto do Orfeu

. Facebook and stuff

. Some nights...

. Facebook and stuff

. Baú

.a cor da minha música

.pesquisa-me

 

.arquivos azuis

.azul também por aqui:

.links

.favoritos

. este mundo que nos ensina...

. passando, sem ficar.

. quando o medo te assalta.

. um abraço. o meu lugar.

. como comer sushi como um ...

. A Dani, segundo a MilVeze...

. ...

. abre parêntesis

. menos não (me) chega.

. 30 coisas sobre ti (que n...

.tags

. todas as tags

SAPO Blogs

.subscrever feeds