Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blue 258

Blue 258

Balões de água

20
Mar09

À medida que nos emanharamos sucessivamente nas teias de responsabilidade da vida, das preocupações e complicações com que nos vamos deparando ao longo do caminho, vamos esquecendo aquelas coisas tão mais simples que nos preenchem de alegria - esquecemos o que é ser criança - o que é a vida feliz e despreocupada. Naturalmente, conhecemos tantos casos em que a vida das crianças assim o deveria ser mas não o é - mas isso é assunto para outro post, não para este. A temperatura sobe, a Primavera está aí, até já sabe a Verão, e o encontrar perdido no meio de tantas coisas um saquinho de balões de água fez com que a atitude lógica fosse enchê-los e lançá-los pelo ar. Ora que momentos de pura alegria e excitação que nos proporcionaram - as gargalhadas livres e despreocupadas em que não pensávamos em mais nada a não ser em "viver" aquele momento. Parece que à medida que esquecemos o que é ser criança - esquecemos também o que é viver de verdade - mas isso é o que implica crescer, não? Quantos de nós levam uma existência cinzenta, soterrados pelas preocupações, pelas obrigações, pelas dificuldades que a vida nos impõe? Faz com que não se tenha tempo para as pequenas coisas da vida, que são aquelas que nos proporcionam a mais pura alegria.

Foi com este episódio de pura descontração e diversão que regressei aos "bons velhos tempos" em que o riso e as gargalhadas eram uma constante. Conseguíssemos nós ter mais momentos destes, a vida não seria tão soturna - falar é fácil, eu sei, apenas tento dizer que não devemos deixar que a nuvem cinzenta que por vezes paira sobre nós estrague aqueles raros momentos em que as mais pequenas coisas nos implodem (literalmente) de felicidade. Seja com os netos, com os filhos, com os irmãos, com o cão e com o gato, com o papagaio, todos os momentos são de guardar, até mesmo o dos balões de água.

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.