Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blue 258

Blue 258

...

Das escolhas

25
Jan11

 

Por vezes, as pessoas não nos podem dar aquilo que queremos ou o que pensamos precisar. Muitas vezes, o que queremos não é o que precisamos. No entanto, quando percebemos  o que as pessoas nos podem realmente dar, quando tomamos conhecimento daquilo que têm para nos oferecer - quiçá resultado do amadurecimento a que o percurso que escolhemos nos levou - somos capazes de decidir se o abraçamos, se o queremos, ou se não nos chega, se não é suficiente.

Arrisco-me a dizer que percebemos e entendemos, não só o que queremos como também o que precisamos. Atrevo-me ainda a dizer que o caso de nos bastar ou não nem se coloca. Porque se no momento sentimos que é aquilo que queremos, então é porque nos basta.  

E o que vos digo eu? Chegado esse momento, falem, sejam directos, digam o que querem, o que sentem, o que compreenderam até então. E aproveitem.  Nunca se sabe onde esse passo vos poderá levar. E a vida é feita de escolhas. Escolhas que dependem do amadurecimento, do caminho percorrido, de quem somos, de quem podemos ser e de quem queremos ser. E são essas escolhas que determinam como vivemos aquela que é, a nossa vida. 

 

E eu orgulho-me de ter tido a coragem de colocar o preto no branco. De falar. De dizer o que queria, o que sentia e como via as coisas. Orgulho-me ainda mais de ter tido a paciência para chegar a este ponto.

 

 

 

 

 

Ten decisions shape your life,
you'll be aware of 5 about,
7 ways to go through school,
either you're noticed or left out,
7 ways to get ahead,
7 reasons to drop out,
when i said ' I can see me in your eyes',
you said 'I can see you in my bed',
that's not just friendship that's romance too,
you like music we can dance to,

Sit me down,
Shut me up,
i'll calm down,
and i'll get along with you

 

2 comentários

Comentar post