Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blue 258

Blue 258

...

Das ausências

27
Fev15

Tenho estado ausente ou por outro lado, semi-ausente. Continuo deste lado e até tenho vindo ao blogue porque vou tendo ideias que quero registar (my very own greenish notebook) e partilhar; abro o editor de posts, coloco lá a ideia principal e... népias. Como me parece que não consigo desenvolver a ideia - qualquer uma delas - guardo o rascunho e vou embora. Hoje é o dia (yes I can) em que vou pôr a limpo 3 ou 4 rascunhos guardados (or so I hope). Fingers crossed!

Engrenagem

01
Abr09

Há toda uma engrenagem dentro da minha cabeça: nunca pára. Parece que todas as peças vivem em constante atrito e a máquina não tem descanso - pode abrandar por vezes, mas é só. Parar nunca pára. Nem quando durmo - aí alcança apenas um estado de latência... talvez nem tanto, dormência, é isso. Aparenta não se sentir, mas o bulício inquietantemente irritante está lá. Sempre lá. Esta é a versão mais sombria, mais pesada das engrenagens - no entanto, há um outro lado, o dos posts.

Reparei que antes mesmo de começar a escrever um determinado post, já ele tem feito a rodagem por todas (ou quase todas) as peças da engrenagem. A ideia surge de repente, ou então de surdina, quase sem dar por ela. Vai dando voltas e voltas e mais voltas e ainda mais voltas até chegar ao final do processo. Por vezes ainda tem de voltar a ser processado, como se precisasse de ser apurado ou melhorado - e aí dá mais umas voltas até sair cá para fora.

Daí ter dado por mim, em inúmeros momentos, nesse incrível processamento de ideias, enquanto que aparentemente a vida corria cá fora, e o meu corpo parecia naturalmente integrar  toda essa normalidade.